Conheça o MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq

Pensando em começar um MBA em Gestão de Pessoas? O curso está super em alta e é uma ótima escolha para o plano de carreira. Quer saber por quê? Confira algumas informações que podem te ajudar a entender melhor as vantagens deste curso e decidir pela inscrição no MBA USP/Esalq.

Primeiras impressões

O MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq é um curso de pós-graduação Lato sensu, vinculado à Universidade de São Paulo. Essa especialização tem duração de 18 meses e é oferecida na modalidade EAD (ensino a distância).

Para quem se destina

Esse curso é voltado para profissionais de organizações de todos os tipos, em qualquer área de especialização, que estejam comprometidos com o desenvolvimento de sua capacidade para transitar com segurança na dimensão humana dos empreendimentos coletivos.

Pré-requisitos

Para se inscrever no MBA em Gestão de Pessoas só há um pré-requisito: diploma ou certificado de conclusão de curso superior. Além disso, não é necessário, por exemplo, nenhum tipo de conhecimento anterior na área.

“É de grande importância para a finalização do curso que os alunos tenham motivação para trabalhar com pessoas, independentemente da área em que atuam. Afinal, as organizações são sistemas formados essencialmente por pessoas, que usam recursos para realizar objetivos. Trabalhar com pessoas é a essência de todas as modalidades de gestão organizacional”, explica Antonio Cesar Amaru Maximiano, coordenador do MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq.

Organização e curadoria de matérias

O programa do curso apresenta vários diferenciais competitivos. O destaque, no entanto, é a organização e curadoria das matérias apresentadas em aula.

“O MBA em Gestão de Pessoas está dividido em três módulos, que trabalham competências nas dimensões contextuais, comportamentais e técnicas. As contextuais abordam o ambiente social, econômico, legal e tecnológico que circunda as organizações. As comportamentais trabalham as diferenças individuais, motivação, liderança, formação e desenvolvimento de equipes e gestão de conflitos. As técnicas lidam com as ferramentas da gestão de pessoas, como atração, seleção, integração e retenção, gestão de recompensas e papéis gerenciais”, afirma o professor.

E tudo isso foi selecionado e construído com o apoio de um corpo docente pós-graduado e, em sua maioria, ligados à USP (Universidade de São Paulo). “Os professores combinam larga experiência prática com treinamento avançado em suas especialidades, inclusive por meio de envolvimento com universidades internacionais”, destaca.

Programa curricular

Para começar o MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq com o pé direito, as primeiras aulas são introdutórias e ajudam tanto os novos alunos a construírem um panorama geral sobre o tema quanto os alunos que já têm alguma base a relembrarem os principais conceitos.

As aulas também abrangem conteúdos relacionados a fundamentos da gestão de organizações, comportamento organizacional e processos e estruturas da Gestão de Pessoas. Os alunos vão aprender sobre estratégia corporativa, modelos de gestão, governança corporativa e compliance, inovação, RH Ágil, finanças, fundamentos de direito, ética, sustentabilidade, employee experience, inteligência emocional e negociação.

Gestão de conflitos, motivação e liderança, gestão de tempo, recrutamento e seleção, counseling, coaching e mentoring, people analytics e remuneração e benefícios também são parte do programa curricular do curso. Para finalizar, os alunos precisam produzir e apresentar o TCC (trabalho de conclusão de curso).

Aulas online e ao vivo

Os alunos do MBA em Gestão de Pessoas podem aproveitar a flexibilidade que o curso da USP/Esalq oferece. As aulas online são ao vivo, com muita interação entre alunos e professores. Elas ocorrem semanalmente, às quartas-feiras, das 19h às 23h.

Contudo, esse conteúdo permanece gravado e os alunos podem assistir no horário que for mais adequado ou rever sempre que acharem interessante, até o fim do curso.

As provas também são online e contabilizam a frequência do aluno no curso. Elas podem ser realizadas em até três semanas após a aula a que se referem.

O futuro é agora

“As organizações feitas de grandes contingentes de mão-de-obra executando trabalhos operacionais e repetitivos, em regime de supervisão cerrada, pertencem ao passado”, comenta Amaru.

Nossa realidade já testemunha a emergência de organizações enxutas, autogeridas e digitalizadas, compostas por pessoas qualificadas e que trabalham de forma autônoma e interagem por meio de sistemas de informação.

“A tendência, então, é que a Gestão de Pessoas envolva cada vez mais competências para trabalhar com equipes remotas, inteligência emocional (como automotivação, autocontrole, habilidades intrapessoais), liderança de equipes de projetos para expansão da transformação digital, inovação constante, ensino e aprendizagem, criatividade, autodisciplina entre outras”, enfatiza.

“Quanto mais a digitalização avançar, mais as pessoas se tornarão importantes.”

Se tiver outras dúvidas, entre em contato com a gente. Ficaremos felizes em te ajudar com o que precisar!

Inscreva-se no MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq. As aulas começam dia 30 de setembro de 2020!

Autor (a)

Marina Petrocelli
Mais de 12 anos se passaram desde minha primeira experiência com Comunicação Social. Meus primeiros anos profissionais foram dedicados às rotinas de redações com pouca ou nenhuma relevância digital. O jornalismo plural se resumia em apurar os fatos, redigir a matéria e garantir uma foto expressiva. O primeiro sinal de mudança veio com a proposta para mudar de realidade e experimentar um formato diferente de produzir. Daí pra frente, as particularidades do universo do marketing se tornaram permanentes. Ah! Também me formei em Direito (com inscrição na OAB e tudo). Mas nem tudo se resume às minhas habilidades profissionais. Como produtora de conteúdo, me interesso por boas histórias, de pessoas reais ou em séries, filmes e livros, especialmente distopias. Gosto de montar roteiros de viagens e reconhecer estrelas e constelações em um aplicativo no celular. Museus, música e arte no geral chamam minha atenção, assim como cultura pop.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here